BAIXA CONCORRÊNCIA NOS VESTIBULARES PARA O CURSO DE LICENCIATURA EM GEOGRAFIA NA UEG, CAMPUS FORMOSA: possíveis implicações no ensino de Geografia

Alcinéia de Souza Silva

Resumo


No Brasil, a procura pelos cursos de licenciatura tem diminuído ano após ano (INEP, 2013), e isso tem sido alvo de constantes reflexões, já que tal fenômeno alerta para uma possível falta de professores, em um futuro não muito distante. Neste contexto, o trabalho faz uma análise do dinamismo da concorrência para o curso de Geografia nos processos seletivos da Universidade Estadual de Goiás (UEG), Campus Formosa, nos anos de 2001 a 2017 e tece algumas considerações acerca das prováveis implicações dessa baixa procura no ensino da disciplina, no âmbito da Educação Básica. Como metodologia, utilizou-se da análise de documentos institucionais, disponíveis em plataforma eletrônica, para o levantamento de dados necessários à discussão. Os resultados apontam que a situação é preocupante e sinalizam que torna-se necessária a elaboração de estratégias que promovam a procura pelas licenciaturas e a atratividade pela carreira docente, a começar pela implementação de políticas públicas voltadas à valorização profissional, salários dignos e condições de trabalhos adequadas ao processo de ensino-aprendizagem, bem como à reestruturação das universidades formadoras de professores, de modo a torná-las, de fato, espaços de formação do professor.

Palavras-chave

Baixa procura, Ensino de Geografia, Licenciaturas.


LOW COMPETITION IN VESTIBULARS FOR THE TRAINING COURSE OF TEACHERS IN GEOGRAPHY AT THE UEG, CAMPUS FORMOSA: possible implications in the teaching of Geography

Abstract

In Brazil, the demand for teacher training courses has declined year after year (INEP, 2013), and this has been the subject of constant reflection, since this phenomenon warns of a possible shortage of teachers in the near future. In this context, the paper analyzes the dynamics of competition for the Geography course in the selective processes of the Goiás State University (UEG), Campus Formosa, from 2001 to 2017 and makes some considerations about the probable implications of this low demand in the teaching of the discipline, in the scope of Basic Education. As a methodology, it was used the analysis of institutional documents, available in electronic platform, for the collection of data necessary for the discussion. The results point out that the situation is worrying and indicate that it is necessary to develop strategies that promote the demand for teacher training courses and attractiveness for the teaching career, starting with the implementation of public policies aimed at professional valorisation, decent wages and conditions of work adequate to the teaching-learning process, as well as to the restructuring of teacher-training colleges, in order to make them, in fact, spaces for teacher formation. 

Keywords

Low demand, Geography teaching, Training course of teachers.


ISSN: 2236-3904

REVISTA BRASILEIRA DE EDUCAÇÃO EM GEOGRAFIA - RBEG

www.revistaedugeo.com.br - revistaedugeo@revistaedugeo.com.br


Palavras-chave


baixa procura; ensino de Geografia; licenciaturas.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.