O ENSINO DE GEOGRAFIA COMO POSSIBILIDADE DE CONSTRUÇÃO DE SENTIDOS EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL

  • Thalita Jordão Universidade Estadual Paulista
  • Maria Bernadete S.S. Carvalho Unesp

Resumo

Os efeitos de nossa relação com o meio, decorrentes do vertiginoso processo histórico de alteração e apropriação, em um curto período de tempo, tem gerado graves situações de impactos. Dentre as inúmeras possibilidades para enfrentamento dessa crise, o processo educativo é uma das práticas sociais mais adequadas para levar a uma revisão no paradigma atual que determina a relação ser humano-meio. Pensando em caminhos que potencializem a incorporação da educação ambiental no espaço escolar, defendo que o ensino de geografia pode integrar um mosaico variado de possibilidades em suas propostas didático-pedagógicas. Diante disso, este trabalho apresentará o processo de construção de sentidos a partir das aulas de geografia, na relação com dois alunos, em que busquei articular os conteúdos geográficos com a educação ambiental. A pesquisa se desenvolveu em uma escola pública, e cada aluno participante da pesquisa recebeu um “diário de bordo”, que teve a finalidade de registrar reflexões dos processos vividos durante as aprendizagens construídas nas aulas de geografia. Durante esse processo, percebi que os alunos pareciam não conseguir romper com as barreiras de si para um envolvimento com o mundo de maneira mais coletiva e altruísta.

PALAVRAS-CHAVE

Educação ambiental, Ensino de geografia, Práticas pedagógicas, Construção de sentidos.

Biografia do Autor

Thalita Jordão, Universidade Estadual Paulista
Professora de Geografia pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo. Possui Licenciatura e Bacharelado em Geografia, pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP). Possui o título de tecnóloga em Gestão Ambiental, pelas Faculdades Integradas Claretianas e Técnica em Cartografia e Geodésia pelo Colégio Técnico de Limeira - Unicamp. Vêm obtendo conhecimentos mais específicos nas áreas de ensino de geografia e educação ambiental a partir do Mestrado Acadêmico em Educação pela UNESP. Atualmente, é estudante do curso de especialização em Psicopedagogia Clínica e Institucional pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).
Publicado
2020-01-24