TRABALHO DE CAMPO EM GEOGRAFIA AGRÁRIA:

produzindo conhecimentos sobre campesinato, cooperativismo e agroecologia

Autores

  • Roberto Antonio Finatto Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Laranjeiras do Sul https://orcid.org/0000-0001-8467-5133
  • Fábio Luiz Zeneratti Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Laranjeiras do Sul

DOI:

https://doi.org/10.46789/edugeo.v10i19.689

Resumo

Este artigo analisa a importância do trabalho de campo para o ensino de Geografia no ensino superior, com ênfase nos temas da Geografia Agrária. O texto se estrutura com base na sistematização – planejamento, execução e avaliação – de um trabalho de campo desenvolvido com uma turma do curso Interdisciplinar em Educação do Campo: Ciências Sociais e Humanas – Licenciatura, da Universidade Federal da Fronteira Sul, no primeiro semestre de 2019. O campesinato, o cooperativismo e a Agroecologia integram a ementa do componente curricular de Geografia II do curso citado. A metodologia utilizada na elaboração do artigo consiste na observação em campo e na análise dos relatórios produzidos pelos acadêmicos. A atividade desenvolvida nos permitiu reafirmar a importância do trabalho de campo para o ensino da Geografia, visto que possibilitou compreender, na prática, como o cooperativismo e a Agroecologia se estabelecem como estratégias fundamentais para a territorialização do campesinato. Ademais, as conversas com os diferentes sujeitos e a visita aos espaços de produção e industrialização da produção agrícola possibilitaram visualizar as contradições presentes no campo brasileiro, sobretudo aquelas que envolvem as organizações camponesas. Assim, o trabalho de campo se constitui como ferramenta metodológica fundamental para possibilitar uma compreensão crítica e transformadora do espaço geográfico.

Palavras-chave

Trabalho de campo, Geografia Agrária, Campesinato, Cooperativismo, Agroecologia

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roberto Antonio Finatto, Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Laranjeiras do Sul

Doutor em Geografia. Integra o Grupo de Pesquisa em Educação do Campo, Cooperação e Agroecologia (GECCA) e o Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Região, Urbanização e Desenvolvimento (nerud). Professor Adjunto da Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Laranjeiras do Sul.

Fábio Luiz Zeneratti, Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Laranjeiras do Sul

Doutor em Geografia. Professor Adjunto da Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Laranjeiras do Sul.

Publicado

2020-07-24

Como Citar

Finatto, R. A., & Zeneratti, F. L. (2020). TRABALHO DE CAMPO EM GEOGRAFIA AGRÁRIA:: produzindo conhecimentos sobre campesinato, cooperativismo e agroecologia. Revista Brasileira De Educação Em Geografia, 10(19), 548-569. https://doi.org/10.46789/edugeo.v10i19.689