O CINEMA COMO DIFERENÇA NA LINGUAGEM DO ENSINO DE GEOGRAFIA:

uma cartografia provisória

Autores

  • Wenceslao Machado de Oliveira Junior Universidade Estadual de Campinas
  • Gisele Girardi Universidade Federal do Espírito Santo

DOI:

https://doi.org/10.46789/edugeo.v10i19.872

Resumo

A escrita deste artigo se iniciou com uma demanda para atualizarmos um texto elaborado por nós há quase uma década, que tratava das conexões criativa e criadora das diferentes linguagens no ensino de Geografia. Foi realizado um levantamento geral utilizando o aplicativo Google Acadêmico, que resultou em um grande volume de obras. Na impossibilidade de lidar com todas elas, foi feito um recorte analítico para a linguagem do cinema. Foram consultados todos os textos (111, no total, de periódicos e anais de congressos, todos nacionais, no período de 2006-2019) e foram selecionados os que lidavam com perspectivas teóricas, metodológicas e epistemológicas da relação cinema e ensino de Geografia (cerca de 10% do total). A partir da consulta geral aos textos e do estudo dos textos selecionados foi feita uma cartografia amparada na filosofia da diferença, que consiste em acompanhar como estabilizações, flexibilizações/negociações e transformações (características das linhas molares, moleculares e de fuga, respectivamente) vão compondo um entre dois corpos, no caso, o cinema e o ensino de Geografia. A despeito do imenso crescimento do volume de produções, percebemos que mantém-se como hegemônica a ideia de que a linguagem não deixa marca nos conteúdos da geografia acadêmica transformados em conteúdos escolares.

Palavras-chave

Cinema, Ensino de Geografia, Diferentes linguagens, Cartografia

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2020-07-24

Como Citar

Machado de Oliveira Junior, W. ., & Girardi, G. (2020). O CINEMA COMO DIFERENÇA NA LINGUAGEM DO ENSINO DE GEOGRAFIA: : uma cartografia provisória. Revista Brasileira De Educação Em Geografia, 10(19), 45-66. https://doi.org/10.46789/edugeo.v10i19.872