[1]
J. Seemann, “MENINO É AZUL E ÁGUA NO MAPA TAMBÉM:: cartografia, cores, convenções e cultura”, Rev. Bras. Ens. Geog, vol. 10, nº 19, p. 23-44, jul. 2020.