AULA DE CAMPO COMO PRÁTICA PEDAGÓGICA NO ENSINO DE GEOGRAFIA PARA O ENSINO FUNDAMENTAL: proposta metodológica e estudo de caso

Autores

  • Ricardo Michael Pinheiro Silveira Mestrando em Geografia - PPGGEO/UFPR
  • Dieiny Michelle Crestani Graduanda em Geografia - UFPR
  • Elaine de Cacia de Lima Frick Professora do Departamento de Geografia - UFPR

Resumo

No contexto das significativas mudanças e transformações da sociedade nas últimas décadas em nível global, a geografia teve de repensar sua função na condição de tradicional disciplina do currículo escolar. Com a necessidade de novas práticas pedagógicas que se apliquem ao cotidiano dos alunos, as aulas de campo surgem como importante atividade de apoio ao ensino de geografia. Nessa perspectiva, com base nos resultados recentes do Projeto Expedições Geográficas (UFPR/Licenciar), o presente trabalho propõe uma metodologia para o planejamento e organização de aulas de campo em escala local, pautada em três momentos: o pré-campo, o campo e o pós-campo, e que resultaram no estudo de caso com alunos do 6º ano (Ensino Fundamental) da Escola Estadual Aline Picheth, localizada em Curitiba/PR. Ao todo foram realizadas seis aulas de campo, cujos objetivos foram propostos inicialmente, com destaque para orientação/localização, inserção às geotecnologias e interpretação e reconhecimento dos elementos da paisagem. A metodologia se mostrou eficaz e apresentou resultados satisfatórios, evidenciando a potencialidade da aula de campo como recurso didático-pedagógico.

Palavras-chave

Ensino de Geografia, Aula de campo, Prática didático-pedagógica.

 

FIELD CLASS AS PEDAGOGICAL PRACTICE IN TEACHING OF GEOGRAPHY FOR FUNDAMENTAL EDUCATION: proposed methodology and case study

Abstract

In the context of significant change and transformation of society in recent decades at the global level, geography had to rethink its role in the condition of traditional discipline of the school curriculum. With the need for new teaching practices that apply to the daily lives of students, field classes emerge as an important activity to support the teaching of geography. At this perspective, based on recent results of the Project Expedições Geográficas (UFPR/Licenciar), this paper proposes a methodology for planning and organizing field classes at the local scale, based on three points: the pre-field (planning and organization stage), the field (realization of the activity) and post-field (evaluation and discussion stage), which resulted in the case study with students from 6th grade (elementary school) of Aline Picheth School, located in Curitiba/PR. Altogether six field classes were performed, with themes proposed initially, with emphasis on orientation/location, geotechnologies insertion and interpretation and recognition of landscape elements. The recorded proposals by the students during the activity denoted the fast assimilation of the contents against the reality experienced in loco, presenting satisfactory results and demonstrating the potential of the field class as an auxiliary teaching-pedagogical resource.

Keywords

Teaching of Geography, Field class, Ditactic-pedagogical practice.

 

ISSN: 2236-3904

REVISTA BRASILEIRA DE EDUCAÇÃO EM GEOGRAFIA - RBEG

www.revistaedugeo.com.br - revistaedugeo@revistaedugeo.com.br

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-09-30

Como Citar

Pinheiro Silveira, R. M., Crestani, D. M., & de Cacia de Lima Frick, E. (2014). AULA DE CAMPO COMO PRÁTICA PEDAGÓGICA NO ENSINO DE GEOGRAFIA PARA O ENSINO FUNDAMENTAL: proposta metodológica e estudo de caso. Revista Brasileira De Educação Em Geografia, 4(7), 125–142. Recuperado de https://www.revistaedugeo.com.br/ojs/index.php/revistaedugeo/article/view/130